Sustentabilidade e bem estar: a mãe natureza no seu explendor!

1

Category : Sustentabilidade

wolf-pack-yellowstoneMuito a propósito de bem estar, lembramos que a questão da sustentabilidade, longe de ser apenas a batalha de uma minoria, tem mesmo muita razão de ser; se pensarmos que alguns erros podem ser fatais no ecossistema, é bom saber que corrigir esses erros pode trazer grandes beneficios na sustentabilidade do nosso planeta.

No Parque Nacional de Yellowstone os lobos foram extintos pela caça e  estiveram ausentes cerca de 70 anos e, por mais incrivel que possa parecer, isso provocou a longo prazo uma alteração no ecossistema daquela imensa área, pois o numero de veados aumentou muito uma vez que desaparecera o animal que os caçava. Apesar dos esforços humanos para controlar o seu crescimento, com o tempo os veados foram destruindo grande parte da vegetação.

Em 1995 voltou a introduzir-se uma comunidade de lobos no Parque de Yellowstone e o impacto tem sido extraordinário; além de ter travado o crescimento dos veados veio alterar radicalmente o seu comportamento. Os veados começaram a evitar as zonas onde podiam ser mais facilmente apanhados, nos vales, e a vegetação nessas áreas começou gradualmente a regenerar-se; e de tal forma que em certas zonas as árvores voltaram a crescer e algumas quintuplicaram de tamanho em meia duzia de anos. Com esta efusão vieram, a pouco e pouco, comunidades de passaros e de castores. O numero de coiotes por sua vez diminuiu porque também servem de alimento aos lobos e em consequencia cresceram as comunidades de coelhos e ratos aumentando a presença de doninhas, falcões, raposas e texugos. O mais impressionante é que todas estas alterações desde que os lobos voltaram a estar presentes no parque e com a regeneração da floresta, o curso dos rios consolidou-se de outra forma e esse foi o título que deu nome ao pequeno filme que vale a pena ver aqui: How wolves change rivers

É de facto impressionante.

O bem estar passa mesmo por aqui

 

Sabe que as escovas de dentes usadas podem ser recicladas? Pois, o bem estar também passa por aqui!

2

Category : Sustentabilidade

A sustentabilidade está na ordem do dia e é claramente uma das forma de chegarmos a um bem estar desejável a todos; as preocupações ambientais são inevitáveis para o futuro deste planeta que habitamos e cada um de nós pode fazer a diferença em cada gesto, já pensou bem?

O dia a dia exige a cooperação de todos nas mais pequenas coisas para que se garanta um futuro melhor e felizmente há muitas pessoas envolvidas em dinâmicas verdadeiramente úteis: não são apenas campanhas de sensibilizaçao mas sim processos que estão já em prática!

O EcoEscovinha é um desses casos, um projecto de responsabilidade social que visa a reciclagem das escovas de dentes além da promoção da escovagem regular e eficaz e a troca de escova de 3 em 3 meses. É uma forma de promover estilos de vida saudáveis, o bem estar de todos e de cada um, e nada como começar junto dos mais novos!

O Programa EcoEscovinha faz parte do projecto “Miúdos Optimistas, Miúdos Saudáveis!” que foi implementado em Outubro de 2012 e tem uma forte componente de Responsabilidade Social. Além dos vários programas que envolvem os miúdos, pretende-se levar as pessoas de um modo geral a canalizar as escovas de dentes usadas para reciclagem e poderem ser transformadas em mobiliário urbano.
Do “Miúdos Optimistas, Miúdos Saudáveis!” fazem parte os seguintes programas:

– “Sorrir é Bom e Dá Saúde” – Acções de sensibilização para a Promoção da Saúde Oral em escolas e instituições parceiras;

– “Para Passageiros de 1ªX” – Clínica Aberta a “Miúdos” do pré-escolar e 1ºano que visa desmistificar o consultório dentário através de actividades lúdicas e pedagógicas;

– “Bolsa de Mérito de Saúde Oral” – Oferta de consultas de Saúde Oral a um “Miúdo” do Secundário que se destaque pelo seu mérito. A selecção é da responsabilidade da escola parceira;

– “EcoEscovinha” – Programa de motivação para a recolha e reciclagem de escovas de dentes que serão transformadas em mobiliário urbano.

Visite a página Facebook/Ecoescovinha promova a dinâmica e passe à prática!

O bem estar passa por aqui!

Bem estar em harmonia com a natureza? Precisa-se com urgência!

2

Category : Sustentabilidade

A sustentabilidade está na ordem do dia e não é de admirar. Durante muitos anos cometeram-se as maiores atrocidades a este planeta em que vivemos, muitas vezes inadvertidamente outras nem por isso, certo é que vieram a revelar-se duma enorme irresponsabilidade e negligência, pondo em risco o mundo que habitamos e claro o nosso proprio bem estar e sobrevivencia.

É fácil encontrar enormes contrastes entre paisagens de grande beleza, da natureza no seu esplendor, e trágicas realidades ao nível da poluição de consequências desastrosas, por vezes irreversíveis, o aquecimento global, as catástrofes naturais etc.

Felizmente multiplicam-se as iniciativas que procuram corrigir erros do passado, provavelmente não tantas como seria desejável, algumas mesmo heroicas pelas coragem de fazer diferente e melhor, independentemente de interesses económicos ou outros. Simplesmente porque é absolutamente necessário!

Vale a pena ver aqui o exemplo do Projecto de Recuperação Ecológica e Paisagística da Lagoa de Furnas nos Açores.

O bem estar passa por cada um, reflecte-se nos outros e no ambiente que nos rodeia. Cada um tem uma pequena responsabilidade que somada com todos os outros fará a diferença para melhor.

Eis a oportunidade de conhecer a Biodiversidade de Lisboa!

2

Category : Sustentabilidade

 

Apresentada em 2010, a Rota da Biodiversidade em Lisboa é uma forma muito interessante e certamente uma perspectiva diferente  de conhecer parte desta cidade única. O rio Tejo e Monsanto são as zonas de eleição num percurso circular com 14 km de fácil execução e que poderá ser feita a pé ou de bicicleta.

A proposta de trajeto passa por lugares familiares de todos nós e esta é, de facto, uma boa forma de redescobrir locais olhando-os com olhos de ver, partilhando emoções e sobretudo poder observá-los com consciência ambiental. A denominada Rota da Biodiversidade é afinal um percurso que leva ao diálogo permanente entre o rio Tejo e o grande Monsanto que não deixa ninguém indiferente.

A Francis Overland propõe este aliciante programa para o dia 14 de Janeiro sob o lema Ao encontro da Biodiversidade Urbana de Lisboa num desafio a todos os que nele vejam uma oportunidade; estamos a começar um novo ano e, porque não, em boa companhia num passeio que conjuga uma caminhada saudável com a divulgação da riqueza natural de Lisboa, ao não menos rico património cultural e histórico da cidade, num percurso que liga duas unidades ambientais muito importantes, a zona ribeirinha e a Mata de Monsanto, em 18 locais seleccionados pela sua localização e valor intrínseco.  Claramente um ponto de partida que estimula a curiosidade de encontrar toda a desconhecida diversidade biológica de Lisboa.

Conservar Portugal está ao nosso alcance

Category : Sustentabilidade

O post anterior do nosso Blog do Bem Estar sobre Satish Kumar e a sua filosofia do ambiente levou-nos hoje a divulgar uma das muitas iniciativas paradignamizadoras que acontecem em Portugal. Precisamente com o sentido de promover a maior aproximação das pessoas à Natureza sabendo que é bem possivel o desenvolvimento em harmonia com a Natureza,  surgiu este ano em Lisboa a Aidnature.org uma Associação Sem fins Lucrativos, qualificada como Organização Não Governamental.

O objectivo é implementar projectos de conservação da Natureza que assentam em acções concretas de  crescimento económico e social das comunidades.

Ainda há muito que todos podemos fazer para conservar e proteger a Biodiversidade em Portugal. Bem Haja este tipo de iniciativa que nos faz acreditar que melhor é possivel e ser proactivo é essencial.

Proteger os ambientes selvagens, salvaguardar a Natureza no seu explendor:  Conservar Portugal está ao nosso alcance.

 

The Planet Earth Institute

Category : Sustentabilidade

Há dias tive conhecimento da existência de uma ONG formidável: The Planet Earth Institute

Com a seguinte Missão:

O Planeta Terra e os seus habitantes enfrentam muitos perigos: desde a perda da bio-doversidade, a rápida urbanização, as mudanças climáticas até aos riscos crescentes de catástrofes naturais. Há no entanto um clara oportunidade de criar um planeta mais sustentável; temos que trabalhar juntos se quisermos ultrapassar os desafios dos nossos tempos.

O The Planet Earth Institute demonstra como é que a ciência e a tecnologia podem ajudar a tornar a sociedade mundial mais segura, mais saudável e mais próspera promovendo soluções engenhosas para os desafios relacionados com o Planeta.”

Esta organização, com um conselho científico composto por membros representantes de cada continente e do Newcastle Institute for Research on Sustainability, tem um alcance global e vários projectos enriquecedores tanto a nível dos sector público como do sector privado. 
Recomendo uma exploração aprofundada do site.
É um exemplo verdadeiramente paradignamizador!

A água é preciosa, vamos poupá-la!

1

Category : Sustentabilidade

Em pleno Verão temos hoje um belo dia de chuva…

Não é que apeteça que chova nesta altura, antes mais apetece um sol radioso e um bom dia de praia.

No entanto, esta chuva é importante para nos relembrar o quão preciosa é a água. O filme seguinte (clique no link abaixo para ver) é um excelente exemplo de como uma criança tão pequena já tem gestos verdadeiramente paradignamizadores 🙂

http://youtu.be/b_G_a5xYJzo

Rumo à sustentabilidade

Category : Sustentabilidade

Direita ou esquerda, político ou apolítico, há pequenas atitudes e comportamentos que determinam a forma de pensar e estar na vida de uma pessoa, família, empresa ou país.

Durante esta semana, o Ministério da Agricultura, Mar, Ambiente e Ordenamento Territorial decidiu acabar com a obrigação de usar gravata, todos os anos, entre 1 de Julho e 30 de Setembro, tendo como objectivo diminuir a factura do ar-condicionado e reduzir a despesa global em electricidade e a correspondente pegada ecológica. Naturalmente que a iniciativa “Ar Cool” não é uma medida “de fundo” e aparentemente relevante, nem irá ter peso no Orçamento de Estado ou do Ministério em questão, nem irá trazer benefícios directos e imediatos à vida dos portugueses, mas são estas (pequenas) atitudes e decisões que Portugal necessita de tomar rumo à sustentabilidade económica, ambiental e social.

Uma longa caminhada começa com um simples passo. Mais do que nunca, chegou a altura de todos começarmos a dar pequenos passos para melhorarmos a nossa vida e do nosso país. No fundo, é tudo uma questão de atitude que, como diria Winston Churchill, é uma coisa pequena que faz uma grande diferença.