Human, o filme: um retrato expressivo e abrangente de pessoas de coração aberto…

1

Category : Eventos

humanthemovie-maishaflix-medium_0

Há precisamente dois anos esteve em Lisboa a espectacular exposição de Yann Arthus-Bertrand no Museu da Electricidade designada 7 Mil Milhões de Outros e sobre ela muito se falou e escreveu pela sua singularidade, pelo seu impacto, pelo realismo da profundidade do ser humano retratado na sua verdade. A partir deste trabalho o fotógrafo francês realizou um grande documentário que na origem tinha mais de 7 horas de duração e, para que podesse ser visto pelo público também em salas de cinema/espectáculos, acabou por ser reduzido a cerca de duas horas e vinte minutos numa short version. Cerca de duas mil pessoas em todo o mundo de diferentes paises e culturas foram entrevistadas sobre diversas vertentes da vida desde o amor ao sofrimento, das alegrias às contrariedades, da felicidade à violencia, num retrato individual de coração aberto, olhos nos olhos, que não deixa ninguém indiferente.

Ontem no Centro Cultural de Belém foi apresentada esta versão seguida de uma sessão de questões e debate com o próprio Yann Arthus-Bertrand acompanhado por Jorge Braga de Macedo e Pedro Rebelo de Sousa. A produção deste documentário contou com o financiamento das Bettencourt Schueller Foundation e GoodPlanet Foundation o que permite que possa ser vista de forma gratuita no YouTube.

A exibição do filme Human, ontem no CCB, contou com o apoio da Claude & Sofia Marion Foudantion, Air France, Insitut Français, NOS Entre Iguais, CCB,  bem como do Projecto Memória parceiro da GoodPlanet Foundation; foi um sucesso numa experiência incrível desde logo pelo impacto da projecção num grande ecrã com imagens impressionantes que levaram a plateia ora às lágrimas, ora a momentos divertidos, ora ao absoluto espanto da natureza no seu explendor.

Não perca, o bem estar também passa por aqui

 

1º Domingo do Advento: abrindo o caminho para o Natal com amor e bem estar

Category : Eventos

CoroaAdventoHoje é o primeiro Domingo do  Advento o tempo durante o qual preparamos a festa do Natal, muito para lá do que é material, mas essencialmente no que representa como festa especial do Amor, da Família, da Fraternidade. Este é o primeiro dos quatro Domingos do  Advento, as quatro semanas em que se prepara o Natal, como a própria palavra indica no seu significado latino adventus que quer dizer chegada. Advento é portanto o tempo de espera  mas também de preparação para o nascimento de Jesus em que os cristãos celebram o Amor, a Família, a Fraternidade.

O tempo do Advento formou-se progressivamente a partir do século IV e já era celebrado na Gália e na Hispânia. Em Roma, onde surgiu a festa do Natal, passou a ser celebrado somente a partir do século VI quando a Igreja  Romana vislumbrou na festa do Natal o início do mistério pascal e era natural que se preparasse também com solenidade, como se preparava a Páscoa embora a Páscoa tenha sido sempre a celebração mais importante. Nessa altura o  tempo do Advento consistia em seis semanas que antecediam a grande festa do Natal. Foi somente com São Gregório Magno (590-604) que esse tempo foi reduzido  para quatro domingos, tal como hoje celebramos.

Um dos muitos símbolos do Natal é a coroa do Advento que, pela sua forma circular, simboliza a esperança e convida à alegria. Ao que se sabe, a coroa teve a sua origem no século XIX no norte da Alemanha e os católicos adotaram mais tarde este costume da coroa do  Advento, já no início do século XX. Na confecção da coroa são usados ramos de  pinheiro e cipreste, as únicas árvores cujos ramos não perdem as folhas no outono  e estão sempre verdes, mesmo no inverno. Os ramos verdes simbolizam a vida que permanece, sinal evidente de Fé e Esperança. Formando um circulo, a coroa traduz o simbolismo da figura sem começo nem fim,  representando a perfeição, a harmonia, a eternidade.

Na coroa também são  colocadas quatro velas referentes a cada domingo que antecede o Natal. A luz vai  assim aumentando à medida que se aproxima o Natal, festa da Luz que é o nascimento de Cristo. A cor das quatro  velas, em quase todas as partes do mundo, é geralmente a cor encarnada se bem que, por vezes, quando se usam velas roxas uma delas é cor de rosa pois no Terceiro Domingo do Advento (Gaudete), assim como no quarto Domingo da Quaresma  (Laetare) celebra-se a Alegria cuja cor litúrgica é o cor de rosa.

Preparemos pois o Natal com amor e bem estar

7 mil milhões de outros: a humanidade, o sentido da vida e o bem estar

Category : Eventos

SeteMilMilhoesDeOutros

É curioso quando pensamos que o ser humano, na sua essência, é sempre o mesmo agora e desde há muito muito tempo; claro, a civilização evolui, as culturas dos povos podem ser muitissimo diferentes mas no essencial, na estrutura mental, no comportamento, somos todos idênticos seja quem for e onde for.

E isso é possivel observar nos dias de hoje, que qualquer um nos confins de Africa, Asia ou América do Sul, por exemplo, tem ansiedades, manifesta sentimentos e emoções, exprime dor e sofrimento da mesma forma que outro qualquer na Europa ou na América do Norte.

Essa experiência fez o fotógrafo francês Yann Arthus-Bertrand; conhecido por um outro trabalho realizado há mais tempo, nos anos 90, que se tornou tema de uma exposição e dum livro La Terre vu du Ciel apresenta agora em Portugal o seu trabalho mais recente 7 mil milhões de Outros.

Há 10 anos que viaja pelo mundo a questionar as pessoas sobre várias vertentes da vida: Quais eram os seus sonhos de criança? Qual a importância da família? Já viveu uma história de amor? Que desafios já superou na vida? Quais os seus maiores medos? Seis mil pessoas, de 84 países, a falar 50 línguas e de culturas completamente diferentes  foram filmadas a responder às mesmas perguntas dando origem à vídeo-exposição 7 mil milhões de Outros, um retrato expressivo e abrangente dos habitantes da terra.

a17f614f1cba040e21554c657abca50f4387c

Mentor da Fundação GoodPlanet, o objectivo a que se propôs neste projecto foi de combater estereótipos e promover a reflexão, a solidariedade e a tolerância. A exposição que está agora em Lisboa no Museu da Electricidade mostra uma visão do mundo de diferentes perspetivas. Dividida por diferentes áreas, em pequenos espaços isolados pode ver as filmagens por temas especificos, sonhos de criança, família, histórias de amor, desafios de vida, medos etc; existe uma dedicada só aos portugueses, que falam sobre si e a sua visão da vida.

Transversal é que em toda a Humanidade o que cada um procura e gostaria de atingir é a felicidade e bem estar. Muito interessante, a merecer uma visita demorada.

O bem estar também passa por aqui.

Já perto dos 400 posts e um milhão de visitas depois, celebremos com alegria o bem estar!

Category : Eventos

Screen Shot 2014-07-30 at 11.50.15

Passam mais de 3 anos desde que começamos com este desafio gratificante de levar a muitos a mensagem do bem estar.

Esta manhã, conforme registava o contador que temos na página, atingimos o número capicua 999999 de visitantes ao nosso blog, o que não deixa de ter a sua graça e para nós é um feito extraordinário; rapidamente estávamos a ultrapassar o milhão, este sim um número que se ambiciona sempre e em muitas coisas na vida! Podemos portanto, com todo o à vontade, dizer que já somos uma espécie de milionários, ainda não propriamente em numerário, mas em número de visitas!

Já perto dos 400 posts e ultrapassado o milhão de visitas, deixamos aqui um enorme bem-haja a todos os nossos leitores que passam pelo blog e vêm encontrar umas ideias, umas pistas, umas luzes para o seu bem estar!

1M_blogdobemestar

Num tempo de mudança, de adaptação a novas realidades, de grandes dificuldades para muitas pessoas, este foi precisamente o objectivo a que nos propusemos desde o inicio, ao escrever posts de temas variados sempre com o intuito de relembrar aquilo que está bem ao alcance de todos, o bem estar. Com o lema O bem estar é uma escolha, tome as decisões certas, divulgamos iniciativas, deixamos pistas, lançamos desafios, abrimos portas, acendemos algumas luzes para que se dê claridade ao que por vezes está mesmo na nossa frente e parece que não vemos…

O bem estar passa mesmo por aqui.

As mães, os filhos e o bem estar.

2

Category : Eventos

 

224752_1720585898584_1356411725_31530660_6401621_n

O Dia da Mãe comemora-se como uma data especial de homenagem a todas as mães e em Portugal celebra-se sempre no primeiro Domingo do mês de Maio; chegou a ser celebrado durante anos a 8 de Dezembro, dia de Nossa Senhora da Conceição, mas nos últimos anos passou a festejar-se no 1º Domingo de Maio, para nós portugueses o mês de Maria mãe de Jesus. A data evoca sempre e antes de mais, a mãe de todas as mães,  Nossa Senhora. Que inspiração de Amor e coragem foi esta mãe!

A data é uma homenagem a todas as mães e serve para, num dia especial que lhe é dedicado, reforçar e demonstrar o amor dos filhos pelas suas mães; no seu ventre cada um de nós recebeu o essencial para se desenvolver, na presença e acompanhamento dos pimeiros tempos o alimento, o amor, a segurança, o bem estar fundamental que nos orientou no caminho da vida.

Ser mãe e receber o carinho dos filhos no dia que nos é dedicado é muito especial da mesma forma que o é para nós filhos homenagearmos a nossa mãe, seja com que idade for ou mesmo se ja tiver partido fisicamente deste mundo. Para cada mãe ser mãe é, de cada vez, único e inexpicavelmente especial!

Mãe é mãe e está sempre no coração.

Obrigada Mãe pela vida e enorme legado de amor; para mim a vida não acaba, apenas se transforma e por isso a mãe continua viva e bem viva um bocadinho em cada um de nós os seis filhos e também nos 22 netos ainda que muitos não tenham chegado a cruzar com ela fisicamente…

Deixo aqui em homenagem a cada mãe o poema de José Luis Peixoto

Palavras para a Minha Mãe

mãe, tenho pena. esperei sempre que entendesses
as palavras que nunca disse e os gestos que nunca fiz.
sei hoje que apenas esperei, mãe, e esperar não é suficiente.

pelas palavras que nunca disse, pelos gestos que me pediste
tanto e eu nunca fui capaz de fazer, quero pedir-te
desculpa, mãe, e sei que pedir desculpa não é suficiente.

às vezes, quero dizer-te tantas coisas que não consigo,
a fotografia em que estou ao teu colo é a fotografia
mais bonita que tenho, gosto de quando estás feliz.

lê isto: mãe, amo-te.

eu sei e tu sabes que poderei sempre fingir que não
escrevi estas palavras, sim, mãe, hei-de fingir que
não escrevi estas palavras, e tu hás-de fingir que não
as leste, somos assim, mãe, mas eu sei e tu sabes.

O bem estar também passa por aqui.

Quanto gostas de chocolate?! Bendito seja, é essencial para o meu bem estar!

Category : Eventos

 

2667_2

 

 

 

 

 

 

 

 

Os portugueses comem, em média, 1,5kg de chocolate por ano. Está dentro da média, ou é viciado em chocolate? Claro que também há quem não goste de chocolate e que passe muito bem sem ele! Do chocolate preto ao branco, passando pelo chocolate de leite e com frutos secos à mistura, há para todos os gostos! O chocolate faz ou não as suas delícias?

Pois saiba que os benefícios do chocolate são vários e indiscutíveis, está comprovado! O que pouco se divulga é que este delicioso doce tem um dia especial em sua homenagem, o dia 26 de Março: hoje é o Dia Mundial do Chocolate!

Além de aliviar o stress e melhorar consideravelmente o humor, o chocolate pode aumentar a nossa espectativa de vida, porque contém um elevado número de antioxidantes, que ajudam o metabolismo a funcionar como deve ser…Claro, tudo com muita moderação e claro, sobretudo o chocolate escuro!

Descubra o tanto que há para saber sobre o chocolate  e no entretanto, vai uma… tablete!?

O bem estar também passa por aqui.

A Bridge to Peace: um evento em Kensington Palace em prol do bem estar

Category : Eventos

Tivemos esta semana o privilégio de estar no evento A Bridge to Peace em Kensington Palace a convite do Duque de Gloucester que ali reside, integrado nas comemorações do Jubileu de Diamante da Rainha Isabel II homenageando igualmente a Rainha Vitoria que nasceu neste palácio e cujo reinado igualou em número de anos a actual rainha.

Este evento patrocina a actividade humanitária extraordinária do Grupo St John of Jerusalem Eye Hospital que tem um papel fundamental em zonas politicamente complexas e de conflito eminente, na Palestina, em Gaza e em Jerusalém. A figura cimeira da Ordem de St John foi no seu tempo a Rainha Vitória e é actualmente o Duque de Gloucester.

Foi convidado como orador principal Prem Rawat fundador da organização humanitária Prem Rawat Foudation uma referência na difusão da paz no mundo sob o lema Peace a new solution to an old problem.

O evento contou com pouco mais de uma centena de convidados entre os quais algumas personalidades como a actirz Jane Seymour e James Keach cuja intervenção em prol duma sociedade sustentada na humanidade merece destaque; reuniram-se aqui pessoas que sejam de alguma forma proactivas neste tempo de mudança e se envolvem na dinâmica para um mundo melhor.
Cada um no singular tem verdadeiramente o enorme poder de fazer a diferença no colectivo.

O bem estar também passa por aqui.

 

 

 

 

 

 

 

Musica para os meus ouvidos…

Category : Eventos

Há pouco mais de uma ano publicamos aqui no blog o post Bem Estar? Dá-me música! que destacava precisamente a importância que a música pode ter na educação; é certo que aprender a ter sensibilidade para a música desde que se é pequeno, faz toda a diferença.

A música é uma das vertentes essenciais na vida, ouvir uma boa música é indiscutivelmente, uma forma de Bem-Estar…

No Conservatório de Música da Metropolitana formou-se um grupo jovem  constituido pelos Pequenos Violinos da Metropolitana alunos que abordam a música através do método de ensino concebido pelo japonês Shinichi Suzuki em meados do século XX. Trata-se de um modelo pedagógico que se baseia na aprendizagem do instrumento pela via da assimilação intuitiva (algo parecido com a aprendizagem da nossa língua-mãe). Um dos aspectos interessantes é a participação activa dos pais neste processo o que transforma cada apresentação num momento especial para todos.

O Rafael é apenas um dos pequenos no meio de tantos outros que tem o privilegio de estar a crescer no meio da música e por isso fazer parte deste grupo que vai actuar no dia 19 de Maio no Grande Auditório do CCB; obrigada Rita por ter dado a oportunidade ao Rafael de, desde pequeno, se envolver no mundo da música e a todos os pais que incentivam nos filhos actividades bem enriquecedoras para as suas vidas, eles serão o futuro e o futuro precisa deles!

O Bem Estar é uma escolha!

Vamos ajudar os ginastas portugueses a agarrar esta oportunidade!

4

Category : Eventos

No proximo dia 11 de Fevereiro ás 21 horas no Pavilhão do Grupo Dramatico e Sportivo de Cascais (GDSC) realiza-se a gala de todas as modalidades desportivas com o intuito de ajudar à angariação de fundos para a participação dos atletas portugueses do clube na disciplina de Ginástica Acrobática que foram apurados e seleccionados, a estar presente na Competição Mundial de Grupos Idade juvenil e junior a realizar em Abril deste ano em Orlando na Florida.

A Federação Portuguesa de Ginástica dadas as conhecidas limitições orçamentais não poderá apoiar esta presença, o que obriga à recolha de uma verba total de cerca de 20.000 euros para viabilizar esta participação dos 7 atletas (quadra masculina juvenil e trio feminino junior) mais a treinadora, que desde a inscrição, estadia até viagens tem que ser integralmente suportado pelo clube e proprios.

Esta gala que conta com o apoio de todos os atletas do clube, foi uma iniciativa muito louvável da Secção de Rugby do clube que contribui com muitos elementos da Selecção Nacional bem como do proprio seleccionador Tomáz Morais e faz parte de um conjunto de inciativas para a obtenção destas verbas.

No sábado vamos ao Pavilhão Dramatico de Cascais!

 

 

O Paradigma das Vacas II

Category : Eventos

No seguimento do post sobre a minha intervenção no 12º Ignite Portugal, onde tive a oportunidade de abordar o Paradigma das Vacas, temos, finalmente, o vídeo online. Veja e comente!