O inspirador testemunho da Irmã Guadalupe: missionária pelo bem estar dos outros

1

Category : Informação

a-freira-que-nao-recuouCom frequência nos questionamos o que é que nos move a cada um de nós, o que me move a mim pessoalmente? Para lá da fé, no meu caso um factor essencial no caminho da vida terrena, invariavelmente procuro inspiração naqueles que por principio fazem bem aquilo que se propõe fazer. Porque na verdade, cada um de nós pode sempre fazer mais e melhor e, não sendo nenhum de nós perfeito, nada como encontrar na vivência de outros, modelos inspiradores.

A Irmã Guadalupe está em Portugal a convite da Fundação Ajudar a Igreja que Sofre e este fim de semana deu o seu testemunho inspirador na Paróquia do Estoril; na prática, a sua simplicidade, enorme fé e capacidade de entrega pelos outros mostram que amar o próximo como a si mesmo não é apenas um chavão lançado um dia por Jesus Cristo… O princípio é, afinal, simplesmente pôr amor em tudo o que fazemos.

15095046_10207301164267106_4258655604695821497_nTodos nós temos imensas opiniões e falamos com facilidade e à vontade sobre a guerra, os conflitos mundiais a que assistimos praticamente em directo pelos meios de comunicação social, podemos até mostrar a nossa preocupação, a nossa indignação; a verdade é que estamos do “lado de cá”, não temos de fugir do cruzamento de balas, não temos bombas a cair à nossa porta, a destruir as nossas casas, a matar a nossa família, os nossos amigos…

As notícias entram pelas nossas casas ou nos cafés, onde quer que seja, num confortável sofá, à mesa em plena refeição, ou talvez sentados ao computador. O horror é chocante mas quase entrou numa normalidade. Somos beneficiados de qualquer forma, não nos afecta directamente, a vida e a rotina diária continuam.

Extraordinário e ao mesmo tempo surpreendente é ouvir o testemunho de alguém que, na adversidade entrega a sua vida pelo bem estar dos outros. A Irmã Guadalupe mostra-nos como o ser humano pode ser surpreendentemente bom, disponível e ajudar a quem precisa, neste caso em situações absolutamente dramáticas; estes exemplos de bondade e entrega é que nos inspiram e movem; percebemos que também nós podemos replicar, ainda que noutra escala ou noutro contexto. E sabemos que o contrário também é possivel na maldade e na indiferença, pois, mas não é nada disso que nos move!

O bem estar passa mesmo por aqui

Human, o filme: um retrato expressivo e abrangente de pessoas de coração aberto…

1

Category : Eventos

humanthemovie-maishaflix-medium_0

Há precisamente dois anos esteve em Lisboa a espectacular exposição de Yann Arthus-Bertrand no Museu da Electricidade designada 7 Mil Milhões de Outros e sobre ela muito se falou e escreveu pela sua singularidade, pelo seu impacto, pelo realismo da profundidade do ser humano retratado na sua verdade. A partir deste trabalho o fotógrafo francês realizou um grande documentário que na origem tinha mais de 7 horas de duração e, para que podesse ser visto pelo público também em salas de cinema/espectáculos, acabou por ser reduzido a cerca de duas horas e vinte minutos numa short version. Cerca de duas mil pessoas em todo o mundo de diferentes paises e culturas foram entrevistadas sobre diversas vertentes da vida desde o amor ao sofrimento, das alegrias às contrariedades, da felicidade à violencia, num retrato individual de coração aberto, olhos nos olhos, que não deixa ninguém indiferente.

Ontem no Centro Cultural de Belém foi apresentada esta versão seguida de uma sessão de questões e debate com o próprio Yann Arthus-Bertrand acompanhado por Jorge Braga de Macedo e Pedro Rebelo de Sousa. A produção deste documentário contou com o financiamento das Bettencourt Schueller Foundation e GoodPlanet Foundation o que permite que possa ser vista de forma gratuita no YouTube.

A exibição do filme Human, ontem no CCB, contou com o apoio da Claude & Sofia Marion Foudantion, Air France, Insitut Français, NOS Entre Iguais, CCB,  bem como do Projecto Memória parceiro da GoodPlanet Foundation; foi um sucesso numa experiência incrível desde logo pelo impacto da projecção num grande ecrã com imagens impressionantes que levaram a plateia ora às lágrimas, ora a momentos divertidos, ora ao absoluto espanto da natureza no seu explendor.

Não perca, o bem estar também passa por aqui